ESTUDO / VIDA CRISTÃ

Estudo / Vida Cristã

V. F. B. Beard

Publicado em 14.07.2004



        “Daniel, contudo, decidiu não se tornar impuro com a comida e com o vinho do rei, e pediu ao chefe dos oficiais permissão para se abster deles” Daniel 1:8.

 

         O significado da palavra missão é incumbência e obrigação. Portanto, Deus nosso Pai tem uma missão, um trabalho ou uma obrigação para todo jovem.

         Vamos ver sobre esta missão analisando a história de Daniel. Ler Daniel 1: 1 a 17.

         Daniel, cujo nome significa “Deus é meu juiz”, teve seu nome trocado para Beltessazar, que significa “Príncipe de Baal”, ou seja, “príncipe do senhor”, um outro senhor que exigia cultos com práticas imorais e sacrifícios de crianças.

         Veja só: Daniel, hebreu escravizado por Nabucodosor, tinha sido criado conforme a religião dos israelitas, que colocavam sua fé no Deus Todo Poderoso, agora era escravo na Babilônia, tinha o nome trocado, e recebeu uma oferta tentadora de não mais viver como escravo e ter uma vida de estudante da cultura dos babilônios e uma comida fina. Que vidão, hein!

         Escravo nunca mais. Ele seria preparado durante três anos para ter posição de honra no reino do grande conquistador, o rei da Babilônia. Bastava tão somente aceitar esta chance.

 

Como poderíamos trazer esta situação para nossos dias de hoje?

         O “cara” está nos oferecendo muita coisa, o senhor deste século está com muitas ofertas que aparentemente são boas. Você se tornar um bem sucedido e respeitável cidadão deste reino dominador, talvez até um político, passe em um concurso público garantindo assim a sua folga salarial até a morte, (nada contra estudar ou ser político ou ter uma situação econômica folgada). Ou então, arrume um relacionamento legal cheio de aventuras.

         Um detalhe, no versículo 4 diz boa aparência e inteligentes. Estes são os preferidos para serem chamados e tentados pela cobiça do mundo.

         Pode ser isso hoje comparado com as ofertas que Daniel recebeu?

         Contudo, porém, todavia, no entanto, Daniel decidiu dizer não, decidiu não se tornar impuro. Decidiu com o risco da própria vida rejeitar, decidiu não se contaminar com as ofertas que certamente significariam muito: uma vida tranqüila, comidas boas, posição social excelente no maior reino da época, mas também significaria:

              1. Dar as costas ao Deus da sua fé desde pequeno, (Daniel foi escravizado com 16 anos).

                        2. Rejeitar a Palavra de Deus.

              3. Aceitar a comida ofertada aos deuses daquela nação.

               Estas palavras neste texto são fundamentais: DECIDIU, PREFERIU.

         Com Moisés houve também esta disposição de rejeitar as ofertas de uma vida supostamente tranqüila em Hebreus 11:24 e 25 diz: “Pela fé, Moisés sendo já grande, recusou ser chamado filho da filha de Faraó. Escolhendo, antes, ser maltratado com o povo de Deus do que por, um pouco de tempo, ter o gozo do pecado”. O texto diz que Moisés ‘Escolheu ser maltratado, decidiu por algo melhor que lhe daria descanso!’

Para sua carne não seria o melhor, mas para a missão que tinha que realizar, de ser luz no meio das trevas, onde o inimigo havia dominado, era o melhor.

Para você fazer parte da missão de um jovem que ama ao Senhor, um cara transformado pela graça, vai ser preciso muita renúncia diante das ofertas tentadoras de viver como dominado pelas garras da vida, supostamente melhor, mas o final será de dor e tristeza.

Meus queridos, o Pai tem uma vida vitoriosa para você cheia de graça. Se lance por inteiro nas mãos do amado Senhor Jesus e seja uma benção.

Creia naquele sacrifício verdadeiro realizado na cruz em nosso favor. Todo homem precisa ser regenerado pela graça do Senhor, e isto já  foi cabalmente concretizado naquele ato de amor, Gálatas 2: 19 e 20: “Porque eu, pela lei, estou morto para a lei, para viver para Deus. Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que vivo agora vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim”.

Boa decisão e missão a todos

 

 

       

         


VoltarEnviar páginaImprimir páginaComentar


Avenida Paraná, 76 - A - Próximo ao Calçadão - Londrina - Paraná - Brasil
Ministério Jovem Livres Em Cristo - Primeira Igreja Batista em Londrina